Primeira biografia de Nelson Ned será lançada em 2023

A primeira biografia do cantor Nelson Ned deve sair no próximo ano. A publicação, que será lançada pela Companhia das Letras, está sendo escrita pelo jornalista e diretor de TV, André Barcinski e já conta com mais de 40 entrevistas e pelo menos mil fotos de arquivo pessoal. Pioneiro e respeitado, Ned foi o primeiro artista latino a comercializar um milhão de cópias nos Estados Unidos. Veca Ned, uma das filhas, já revela: “Tem muito bafo da família, mas quem quiser, vai ter que comprar o livro”.

André Barcinski iz que projeto já dura sete anos

André conta que o trabalho começou há mais sete anos e que o processo ainda está acontecendo. Além das 40 pessoas já entrevistadas, outras 20 ainda devem compor a lista. A previsão do autor é concluir o livro no final deste ano. “É um processo grande porque é um artista que teve uma carreira muito longa. O primeiro disco do Nelson foi lançado em 1964. Ele tinha 17 anos, só. É um artista que teve uma carreira muito grande, vendeu muitos discos e com uma dificuldade extra porque ele vendeu muito fora do Brasil: México, Colômbia, Venezuela, República Dominicana. Então a pesquisa não se restringe apenas ao nosso país”, acrescenta.

A história de Nelson Ned é internacional. Além do Brasil, fez muito sucesso na América Latina e na comunidade hispânica nos Estados Unidos. A escolha por escrever a biografia de Ned, segundo André, partiu também de um gosto pessoal. “Sempre gostei de bolero e música romântica e pra mim ele foi um dos maiores no Brasil. Eu li uma autobiografia que ele escreveu na década de 1990, chamada ‘O pequeno gigante da canção’, e fiquei muito fascinado pela história dele. Achei que ele merecia uma biografia extensa e detalhada. Não só pela qualidade do trabalho, mas pela história de vida dele que é fantástica”.

Primogênito de sete irmãos, único da família que nasceu com nanismo, Ned nasceu no interior de Minas Gerais, em 1947, numa época em que se sabia muito menos sobre a deficiência. O jornalista explica que o artista teve a carreira interrompida nos anos de 1990, quando adoeceu e depois teve uma decadência comercial. Ainda assim, acredita que os brasileiros têm pouca ideia sobre a importância da carreira dele fora do país. “Nelson fez sucesso na África, em Portugal e em países que nunca visitou, como Cuba. Era amigo de Gabriel García Márquez e do cantor mexicano Vicente Fernández. Vamos contar casos engraçados, pitorescos e incríveis de Nelson. Lá fora era fenômeno, extremamente popular e isso vai ser contado de maneira muito clara no livro”, finaliza.

Monalisa Ned, que também é filha de Nelson, afirma que a expectativa é imensa. “As pessoas conhecem muito o Nelson artista e nada sobre o pai, o amigo, o chefe. As pessoas glamourizam muito o artista e a biografia irá mostrar o lado humano”. A irmã, Veca também ajudou na indicação de familiares e amigos para contar partes da história que não viveu. “Contei bastante bafo da gente como família, vai ser engraçado. Também queremos ler logo”, se empolga. 

 

 

Catherine Moraes

Jornalista por formação e apaixonada pelo poder da escrita. Do tipo que acredita que a informação pode mudar o mundo, pra melhor!
Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais

Apneia e nanismo: quais os riscos para para os adultos? 

Atualmente, a polissonografia é um exame indicado para todas as crianças com acondroplasia logo nos primeiros anos de vida. O tema, inclusive, está descrito na Declaração de Consenso Internacional sobre o Diagnóstico, Gestão Multidisciplinar e Cuidados ao longo da vida com Acondroplasia. Para os adultos,

Bullying e cyberbullying agora são crimes no Brasil

Sancionada pelo presidente Lula, a Lei nº 14.811 também tipifica crimes cometidos contra crianças e adolescentes como hediondos O bullying e o cyberbullying (que acontece na internet) agora são considerados crime no Brasil com previsão de multa (no caso do primeiro) e pena de até

Apneia e nanismo: quais os riscos para para os adultos? 

Atualmente, a polissonografia é um exame indicado para todas as crianças com acondroplasia logo nos primeiros anos de vida. O tema, inclusive, está descrito na Declaração de Consenso Internacional sobre o Diagnóstico, Gestão Multidisciplinar e Cuidados ao longo da vida com Acondroplasia. Para os adultos,

Bullying e cyberbullying agora são crimes no Brasil

Sancionada pelo presidente Lula, a Lei nº 14.811 também tipifica crimes cometidos contra crianças e adolescentes como hediondos O bullying e o cyberbullying (que acontece na internet) agora são considerados crime no Brasil com previsão de multa (no caso do primeiro) e pena de até