Casamento como prova de autoconfiança

Casal supera diagnóstico letal e celebra vida e otimismo em cerimônia de casamento em que o filho que não sobreviveria ao nascimento

Casal supera diagnóstico letal e celebra vida e otimismo em cerimônia de casamento em que o filho que não sobreviveria ao nascimento, já com dois anos, carrega as alianças

Casal de pequenos se casa em alto estilo depois de se conhecer em performance da peça Branca de Neve e descobrir uma história de vida juntos. Entre se apaixonar e celebrar esta cerimônia de conto de fadas houve um duro caminho trilhado. Incluindo o nascimento de um filho que tinha previsão de não sobreviver ao parto e a vitória dos pais, que resolveram não desistir.

 

Foto: DailyMail

Foto

Laura e Nathan em um momento romântico no grande dia

 

Naturais de Sunderland, Inglaterra, eles se uniram no generoso hotel South Causey Inn no Condado de Durham entre 50 pessoas (seus familiares mais próximos e amigos), em setembro de 2016, segundo informações do jornal Daily Mail.

 

A história

Laura Whitfield, com um 1,28 metros de estatura, pediu Nathan Phillips de 94 cm em casamento, um mês depois do nascimento do filho deles – o único com “duplo nanismo” na Grã Bretanha.

 

Foto: DailyMail

Um

O casal feliz registrando no cartório o dia de seu casamento. Eles ficaram noivos após Laura pedir Nathan em casamento um mês após o nascimento do filho deles

 

Nathan Junior nasceu com duas causas diferentes de nanismo. Acondroplasia, como a sua mãe, e Pseudoacondroplasia, como o seu pai. A expectativa era de que ele sobreviveria apenas algumas horas.

 

Foto: DailyMail

Nathan

O filho do casal de 2 anos e meio atuou como pajem no grande dia de seus pais

 

Contudo, dois anos e meio depois, a saudável criança foi responsável por levar as alianças ao casamento de seus pais.

 

O Grande Dia

Laura, a noiva, usou na ocasião um vestido de design assinado, de 800 libras, que deixou uma trilha de suspiros enquanto ela alcançava a frente da igreja onde Nathan a esperava em seu terno.

 

Foto: DailyMailOCasamento

Laura usou um vestido criado por um designer que custou 800 libras enquanto trocavam os seus votos no hotel South Causey no Condado de Durham

 

A atriz conta: “Nós nos conhecemos quando encenávamos uma peça na cidade de Bath em 2012. A peça era a ‘Branca de Neve e os Sete Anões’ e ele era o Zangado enquanto eu era o Atchim. Foi incrível porque foi o começo de um conto de fadas perfeito para a nossa vida juntos. Agora estamos casados e o casamento foi simplesmente mágico”.

 

“Nós esperamos tanto para nos casar para que o pequeno Nathan pudesse ter idade suficiente para carregar as alianças, mas no final a almofada era muito pesada para ele. Ele decidiu que não queria mais carregar e jogou para o lado. Foi bastante engraçado e foi realmente especial para nós ter ele aqui neste momento – ele simples ama roubar a cena”.

 

Foto: DailyMail

Mãe

Laura com seu filho Nathan cuja expectativa de vida era quase nula após o nascimento com dois tipos de causa de nanismo 

 

Depois de descobrir que Nathan havia planejado fazer o pedido, Laura decidiu propor ela mesma.

 

Laura, que fez aparições em filmes como a série Harry Potter, disse: “Eu sabia que Nathan ia me propor casamento – ele tinha inclusive ido até meu pai pedir permissão. Eu estava apenas preocupada porque quando estou nervosa não posso evitar a gargalhada e eu não queria arruinar o momento”.

 

 

“Eu também sei como ele é – levaria uma eternidade para criar coragem e tomar uma atitude. Eu simplesmente tomei as rédeas da situação. Ele ficou tão surpreso mas foi tão único e romântico – é legal fazer algo um pouco diferente”.

 

Apenas um mês após a proposta, a atriz descobriu a gravidez – foi uma época extremamente difícil para o casal.

 

Superação

Laura lembra: “No início, eu fui alertada pelos médicos para considerar o aborto porque minha gravidez estava tendo algumas complicações. No entanto, eu estava determinada a ver o quão longe poderíamos ir com o pequeno Nathan e ambos estávamos apaixonados por ele desde o primeiro ultrassom”.

 

 

“Era incerto quando ele nasceu porque eles não pensavam que ele sobreviveria mais do que umas duas horas após o nascimento por causa do seu duplo nanismo, mas ele era um pequeno lutador e agora ele está praticamente bem”.

 

Foto: DailyMail

Nathan

Laura pediu Nathan em casamento mesmo sabendo que ele planejava pedí-la em casamento. Ela riu e ficou muito nervosa. Ela não queria estragar o momento

 

“Médicos dizem que embora o pequeno Nathan tenha alguns compromissos extras com o clínico geral comparado com outras crianças, não há razão para que ele não tenha uma vida como outra criança de sua idade”, diz a mãe.

 

Foto: DailyMail

Nathan

 Selado com um beijo. O feliz casal celebrando a união como marido e esposa

 

“O mesmo vale para mim e o Nathan pai – eu sofri um pouco de bullying na escola por causa da minha condição, mas logo aprendi a me defender e as pessoas pararam de me incomodar”.

 

Foto: DailyMail

Nathan

 

Nathan e Laura que já apareceram em filmes da saga Harry Potter, trocando as alianças durante a cerimônia

 

“Eu sei que as pessoas duvidam da gente porque nós somos pequenos, mas nós somos como todo mundo –  a única diferença é o tamanho”.

 

Foto: DailyMail

Foto

Os recém-casados invadindo a pista de dança. Laura descreveu o grande dia deles como um conto de fadas incluindo o modo como começaram a vida juntos

 

“O casamento foi uma grande plataforma para mostrar para todos o quanto confiante nós dois estamos conosco – e nós tivemos o melhor dia de nossas vidas”, afirma.

com informações de Daily Mail

Rafaela Toledo

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais

Somos Todos Gigantes marcado na pele 

Pai de criança com síndrome raríssima faz tatuagem em homenagem ao movimento; família é de Feira de Santana, na Bahia, e participou pela primeira vez de encontro em 2023 As bagagens de vida de Maysa, Anderson e Malu são cheias de desafios, lutas, transformações e

Somos Todos Gigantes marcado na pele 

Pai de criança com síndrome raríssima faz tatuagem em homenagem ao movimento; família é de Feira de Santana, na Bahia, e participou pela primeira vez de encontro em 2023 As bagagens de vida de Maysa, Anderson e Malu são cheias de desafios, lutas, transformações e